Todas as maravilhas de que precisas estão dentro de ti. A primeira e pior de todas as fraudes é enganar-se a si mesmo. Depois disto, todo o pecado é fácil.

30
Mai 08

É como acordar desvairada e perder o chão, estarei realmente acordada? Ou no meio de um pesadelo negro escuro um labirinto.

Eu corro procuro saídas mas todas elas me levam a corredores escuros e húmidos um mais comprido do que o outro.

Ao longe ouço vozes riem-se de mim... Parece que gargalham a minha passagem aponta-me o dedo.

-É ela, é aquela. -Olha para ela...

Eu corro e com as mãos tapo os ouvidos mas as vozes perseguem-me agora com rosto e de dedo em riste e continuam a rir um sorriso de escárnio e dizem em tom acusador: é ela... é ela.

Corro o mais rápido que posso e fico sem saída acabam os corredores labirínticos encontro-me agora numa sala com varias saídas, penso rápido escolho uma das portas mas é tarde de mais.

Uma a uma as entradas vão ficando ocupadas por eles donos daqueles sorrisos de escárnio de dedos acusadores um a um vão se aproximando empurram-me para o cento fazendo um circulo a minha volta..

De dedo em riste o cerco vai se fechado encolho-me não de medo mas de...raiva e indignação pergunto-me mentalmente porque???

Nada, nem uma resposta ... Apenas as gargalhas maléficas torturantes.

Pela primeira vez solto um grito magoado.

-PORQUE??? -Digam-me porque???

Como todos os cobardes o bando de "abutres" calou-se...

Porque agem em grupo e nem saberem porque.

Preconceituosas toupeiras arrogantes que agem como manadas e perante uma pergunta frontal não têm resposta.

Acordei...

"A diferença entre os corajosos e os cobardes é esta: os primeiros reconhecem o perigo e não sentem medo, os segundos sentem medo sem reconhecer o perigo "

publicado por Divine às 16:10

és muito mais lúcida do que queres fazer parecer
Daniel santos a 30 de Maio de 2008 às 17:03

mistura de palavras que mostra bem o conceito de preconceito e cobardia.
parecem-me reais em alguns momentos.
não te esqueças que o que faz pensar tem sempre poucos seguidores
Daniel santos a 30 de Maio de 2008 às 17:06

mistura de palavras que mostra bem o conceito de preconceito e cobardia.
parecem-me reais em alguns momentos.
não te esqueças que o que faz pensar tem sempre poucos seguidores
Daniel santos a 30 de Maio de 2008 às 17:07

parece-me uma mistura de comentários :)
ainda bem que gostas.
não me interessa a qualidades dos comentários mas sim a qualidade de preferência com algum conteúdo .
Divine a 30 de Maio de 2008 às 21:33

Excelente texto. Por vezes os caminhos apresentam saídas fáceis, tão fáceis quanto apetecíveis e é como dizes na vida quantas vezes não é uma questão de manada, mais as manadas quantas vezes não se riem por não lhes seguirmos o rumo e preferirmos trotar em vez de correr mas pela nnossa cabeça, ainda que erradamente, mas na lealdade de nós.

A diferença entre os corajosos e os cobardes é que os primeiros enfrentam e os segundos desistem.

Abraço.

KI a 11 de Julho de 2008 às 00:05

É fácil seguir as pegadas, principalmente sem nos questionarmos se é o caminho certo difícil é traçarmos o nosso próprio percurso.
Bem-vindo obrigado pelo comentário
Divine
Divine a 11 de Julho de 2008 às 11:49

Divine.
Tens Karma mulher. O quadro é magnifico. A tela de excelente enquadramento. Tem ritmo e está bem escrito. É uma cena lancinante da razão posta em sonho de triste realidade.
É tão fácil, apontar nos outros a culpa, o erro, o desvio. E quando em turbamulta, o escárnio e maldizer assumem proporções desmedidas.
E é aí que é preciso gritar. Espadeirar em todas as direcções, irracionalizar-lhes o estatuto de julgadores. Abatê-los com a dignidade da nossa sábia humildade.
Lembras-me o poema portentoso de José Régio e dito por João Villaret: Cântico Negro.
O teu texto vai nesse sentido. É esplêndido.
Beijos
NEOABJECCIONISMO a 12 de Julho de 2008 às 01:51

Este post é muito especial para mim
Quando o escrevi estava com raiva do mundo e a pensar que vivemos num mundo de inúteis parasitas preconceituosos. Hoje estou mais calma
Não falo mais sobre ele:)

Beijo

Divine a 12 de Julho de 2008 às 23:42

Divine.
És um ser maior.
Beijo

Ui , nada disso sou uma humana e terrena com tudo de bom e de mau..

Beijo
Divine a 13 de Julho de 2008 às 00:23

Divine.
Mas maior!
Bem podias alterar o Samuel para neo, no comentário do outro blog.
Beijos

Desculpa-me
Foi a força do habito..
Beijo
Divine a 13 de Julho de 2008 às 01:05

Maio 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

27
28
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo Morto
2012

2011

2010

2009

2008

online
comentários recentes
Olá, será que me consegue explicar porque que é pe...
Olá Paula gostei muito de ler este post.Beijinhos ...
Olá doce amiga.Há um diálogo constante, dentro de ...
Divine.Em qual traseira bateu o destravadopor ment...
Divine.Que bem me sinto neste lugar! No meio da te...
E que triste que deve ser, não é? :)
Há quem viva para sempre na escuridão, sem nunca c...
Não chateias nada e existem pormenores com muita i...
Muito bom post. Muito Murakami também.Não queria c...
Divinevisita o meu blogs e se possível lê "Festa"...
eXTReMe Tracker
eu e algo mais!!
pesquisar
 
blogs SAPO